quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Banco do Nordeste doa mais de duas toneladas de material reciclável para cooperativa

Gazeta de Notícias -  A Superintendência de Sergipe, em consonância com a política de responsabilidade socioambiental do Banco do Nordeste de promover o desenvolvimento sustentável, doou em 2013, mais de 2,4 toneladas de materiais recicláveis para a Cooperativa dos Agentes Autônomos de Reciclagem de Aracaju (CARE).
Esta parceria, que já tem sete anos, se transforma em fonte de renda para 102 cooperadores e mantém o projeto de reforço escolar para 160 crianças.
Segundo o gerente de Produtos e Serviços do Ambiente de Políticas de Desenvolvimento do Banco, Francisco Sobrinho, que coordena as ações de responsabilidade social da Instituição, a equipe da capital sergipana é um exemplo pra todos.“A equipe de Aracaju tem feito um trabalho sério e muito consistente e é exemplo para todo o Banco, pois não fica apenas na ação ambiental da coleta, mas também extrapola e entra no campo social, realizando ações socioambientais, fazendo campanhas e apoiando aos catadores”, afirma.
A Care surgiu em 1999 com o trabalho de erradicação infantil realizado pelo Ministério Público de Sergipe para retirar 240 crianças que viviam no ‘lixão’ do bairro Santa Maria. Assim, as famílias que tinham no lixo sua fonte de renda se organizaram e montaram a cooperativa com o intuito de ter uma atividade digna. Hoje a Care realiza um trabalho auto-sustentável com a coleta seletiva pelos bairros da cidade e em instituições parceiras, como é o caso Banco do Nordeste.
 “O Banco do Nordeste é um dos nossos parceiros mais antigos e esse apoio tem nos ajudado na geração de renda desses catadores e no aprendizado de seus filhos, pois criamos também o projeto Recriarte, que oferece reforço escolar para 160 crianças. Em 2010 contávamos com 44 cooperadores, hoje já temos 102, o que reforça que, quanto mais parceiros como o Banco tivermos, mais pessoas serão beneficiadas.”, afirma a gerente administrativa da Care, Vaneide Ribeiro Santos.
 
Postar um comentário

Títulos mais acessados