quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Prefeito do Crato reúne-se com representantes da Caixa Econômica e servidores públicos para discutir financiamento habitacional

O prefeito municipal do Crato, Samuel Araripe, esteve reunido no gabinete da sede do Palácio Alexandre Arraes no início da tarde desta terça-feira, dia 24 de janeiro de 2012, com representantes da Caixa Econômica Federal e dos servidores públicos municipais para despachar políticas do setor habitacional. A reunião também contou com as presenças dos secretários do Meio Ambiente, doutor Nivaldo Soares e do Planejamento e Administração, Christiano Siebra. Durante o encontro foram discutidas possibilidades de se viabilizar uma linha de financiamento habitacional junto à Caixa Econômica voltada para construção e aquisição de novas moradias para os trabalhadores municipais do Crato. Ao iniciar a conversa, o prefeito fez um breve relato da atual situação habitacional do município, seguida da apresentação do Mapa de Zoneamento da Cidade, elaborado em sua gestão. O laudo dos estudos apresentado neste documento aponta e delimita as áreas da cidade onde podem sofrer intervenções de construção civil, preservando assim áreas verdes e institucionais, bem como prevenindo possíveis desastres ambientais. O prefeito Samuel Araripe destacou ainda as ações empreendidas ao longo do seu governo para tentar solucionar o déficit habitacional como, por exemplo, o Programa Moradia Legal, que através de cadastro efetuado junto à Prefeitura já distribuiu várias casas em todo o município. Samuel Araripe lembrou ainda a doação de um terreno ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e a isenção na política de impostos como forma de incentivo, quando do lançamento do Programa Minha Casa Minha Vida do Governo Federal. Ressaltou em sua fala que até o momento nenhuma construtora demonstrou interesse pela obra, talvez pelo baixo retorno financeiro do projeto.O Conselho Deliberativo do Sindicato dos Servidores Municipais do Crato, na pessoa do presidente Júnior Matos, participou da reunião e entregou uma pauta solicitando atenção especial por parte do Paço Municipal no tocante à construção de moradias para os trabalhadores municipais do Crato. O presidente do SINDSMCRATO enfatizou a parceria mantida entre o órgão e a atual gestão do município e comentou os avanços conquistados nos últimos sete anos em todas as esferas do funcionalismo público municipal. O gerente geral da Caixa Econômica Federal do Crato, Mairton Antônio, se colocou à disposição para encaminhar a papelada e facilitar todo o processo de ordem burocrática referente ao financiamento. Ele informou que atualmente a Caixa dispõe de duas linhas de financiamento (carteiras de crédito): uma com recursos do FGTS que contempla o Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV) e a outra por meio do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE). De acordo com o gerente da Caixa Econômica do Crato, recentemente a instituição criou um departamento específico para atender demandas dessa natureza. A Representação de Desenvolvimento Urbano (REDU) da Caixa funciona em Juazeiro do Norte, conta com uma equipe formada por engenheiros e especialistas e atende toda a região do Cariri. Segundo Mairton Antônio, a Caixa tem interesse em se tornar o principal banco da cidade do Crato, por isso se coloca à disposição do Município para auxiliar no seu desenvolvimento.Sob a mediação do prefeito Samuel Araripe ficou acordado entre as partes as seguintes medidas: será criado um pré-cadastro para verificar as pessoas com prioridade de moradia; os financiamentos podem ser contratados tanto para adquirir tanto imóveis novos como usados, tudo mediante a regularização legal e compatibilidade do salário do servidor; aquisição de terreno para construção de novos prédios; capacitação dos interessados para demandas burocráticas. Ao final da reunião ficou confirmado um próximo encontro, após realização da assembléia dos servidores, para finalizar as discussões em torno do financiamento habitacional proposto para os trabalhadores da Rede Municipal.
Postar um comentário

Títulos mais acessados