quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Consultores do BIRD visitam obras no centro do Crato

Acompanhados por técnicos e engenheiros da Prefeitura do Crato, membros dos grupos gestores do Estado e do município, os consultores do Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento BIRD, estiveram ontem, terça-feira, 29, realizando visita técnica as obras de requalificação urbana do centro da cidade do Crato, no âmbito do Projeto de Desenvolvimento Econômico Regional – projeto cidades do Ceará/Cariri Central. Ficou acertada a liberação das Praças Juarez Távora, Siqueira Campos e as Ruas João Pessoa e Miguel Limaverde, no início de dezembro com a finalidade de dar mais tranqüilidade aos lojistas durante o período natalino e ano novo e mais comodidade aos clientes. Para o presidente do Sindicato dos Lojistas SINDLOJAS, Duda Alencar, a notícia vem tranqüilizar os lojistas e empresários que estão preocupados com o baixo volume de negócios nesse período de maior venda.Para a segunda etapa da obra, Praças da Sé e Alexandre Arrais, já foi montado o cronograma que deverá começar após as festividades do Natal. Para o secretário do meio ambiente e controle urbano do Crato, Nivaldo Soares Almeida, a visita dos consultores do BIRD e do governo do Ceará foi bastante proveitosa. Foi a oportunidade de se verificar alguns detalhes atinentes ao andamento dos serviços. Todos ficaram otimistas, segundo Nivaldo, em relação a previsão de inauguração das obras que seja dentro do menor espaço de tempo possível, como querem o prefeito Samuel Araripe e o governador do Estado, Cid Ferreira Gomes. Para o secretário, o incomodo causado até aqui durante a execução do projeto, será recompensado quando as obras ficarem prontas que, diga-se de passagem, é um projeto arrojado, inovador, moderno e de uma magnitude sem precedentes, concluiu Nivaldo Soares.As obras começaram em julho passado com previsão de serem concluídas em 7 meses e estão dentro do prazo legal. O pequeno atraso ocorrido é justificável em função de alguns acontecimentos como, chuvas inesperadas além da própria estrutura existente no local como, por exemplo, cabos de fibra óptica que exigiram um tratamento especial da parte construtiva. Os consultores disseram que a obra está sendo razoavelmente bem conduzida e a idéia é que a área seja liberada dentro do previsto para que os clientes tenham acesso tranqüilo as lojas.
Postar um comentário

Títulos mais acessados