terça-feira, 30 de agosto de 2011

Prefeito Samuel Araripe solicita ao DER abertura de retornos na Avenida Padre Cícero

O prefeito do Crato, Samuel Araripe, enviou oficio ao gerente do 10º Distrito, do Departamento de Estradas de Rodovias (DER), Luiz Salviano de Matos, solicitando providências necessárias para abrir retornos na Avenida Padre Cícero, na CE 292, que liga Crato a Juazeiro do Norte e que possibilitem o acesso aos bairros localizados no itinerário da citada rodovia. Essa mudança é para não ter que forçar os transeuntes a direcionar-se, primeiramente, a Juazeiro, para só depois voltar as suas casas localizadas nos bairros cratenses, pois os canteiros que seguem a referida CE foram fechados. O prefeito cita na solicitação que no trecho da mesma avenida que compreende a cidade juazeirense, alguns retornos foram preservados, facilitando o acesso dos moradores residentes nos dois lados da CE. Samuel Araripe pede que a mesma atenção seja dada a comunidade cratense.

O motorista Vicente Aloísio do Nascimento, que mora no bairro Muriti, disse não entendeu a decisão da desativação dos retornos, pois, segundo ele, se foi em nome da segurança, o DER precisa melhorar a sua engenharia de trânsito. A dona de casa, Marinalva Lima de Menezes, que mora no Bairro São Miguel e precisa ir ao Bairro Barro Branco todos os dias, conta que está se sentindo prejudicada com a decisão do DER e prometeu fazer uma manifestação pública, para que os retornos sejam abertos. Flavio Agostinho Pereira Mendes mora no Sítio São José e disse que a desativação dos retornos foi uma medida antipática contra o Crato, e que as autoridades do município não devem fechar os olhos a tanta grosseria.

O líder do prefeito Samuel Araripe, na Câmara Municipal, vereador George Macário, prometeu fazer pronunciamento na tribuna da casa em protesto contra o que ele chamou de desrespeito para com a população, notadamente aos moradores dos Bairros e comunidades próximos a Avenida Padre Cícero. Disse o vereador que o DER deveria ter ouvido primeiro, antes da decisão, os usuários e os gestores públicos do município cratense.
Postar um comentário

Títulos mais acessados