terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Vereadores denunciam compra de quase 1t de colorau para escolas no CE

Gazeta de Notícias - Vereadores de Santana do Cariri, no sul do Ceará, denunciaram na última segunda-feira (24), a compra, pela Prefeitura do Município, de quase uma tonelada de um produto para ser usado na merenda escolar: o colorau. De acordo com a denúncia, a Prefeitura de Santana do Cariri comprou em dezembro de 2013, por meio de compra direta, 889 quilos de colorau ao custo de R$ 5.100. Fabricado a partir da semente do urucum, o corolau não tem nenhum valor nutritivo e é utilizado apenas como corante na preparação de carnes e massas.

A denúncia partiu dos vereadores Arclébio Dias (PSB) e Gilvaneide Sisnando (PT). “Estamos na base final da peça de denúncia para que possamos dar entrada em todos os órgãos competentes no nosso estado. Iremos fazer isso no TCU [Tribunal de Contas da União], no Ministério Público Federal (MPF-CE) e, possivelmente na Polícia Federal (PF), uma vez que se trata de verba federal”, explica Arclébio Dias.

A compra direta permite que o gestor utilize até 30% dos recursos destinados à merenda escolar para adquirir itens de produtores locais, a fim de valorizar a agricultura familiar. “A gente verificou que não existe produtor de colorau aqui no município. Um dos produtores [que aparece na nota fiscal] é meu vizinho e eu nunca vi um pé de urucum na propriedade dele”, diz a vereadora Gilvaneide Sisnando.

O vereador João Cabral (PT), líder da Prefeita na Câmara, tenta explicar a compra e erra na conta. “No final de 2013 resolvemos comprar para o ano letivo [de 2014]. Se a população pegar 889 quilos e dividor por 18 [o número de escolas do município] vão dar quase 50 quilos por escola. Pegando esses 50 quilos e dividindo por 10 meses vão dar 5 quilos por mês. Dividindo os 5 quilos por 20 dias letivos vamos ter 500 gramas por dia (sic)”. Fazendo a conta correta, temos 250 gramas de colorau por escola/dia. Quantidade grande para uso diário.

Segundo o Secretário de Governo da Prefeitura, Enéas Nogueira Neto, providências já foram tomadas para o esclarecimento da compra de colorau. “A prefeita [Danieli de Abreu Machado] decidiu afastar imediatamente a secretária de Educação [Ana Maria Sisnando de Melo] para que a gente possa apurar o fato e, constatada a irregularidade a gente vai tomar as providências cabíveis”.

Fonte: G1
Postar um comentário

Títulos mais acessados