quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

"Perfect Obediência”, o filme semi- clandestino sobre a pedofilia na Igreja Católica

Cena do filme "Perfecta Obediência" que será exibido em 2 de maio
Gazeta de Notícias - O mexicano "Perfect Obediência” é baseado em "um fato que não vai ficar em silêncio”, como você pode ler no trailer. Após um mês de filmagem secreta, por medo de qualquer tipo de boicote e mais de um ano de espera, o primeiro filme inspirado no fundador dos Legionários de Cristo, Marcial Maciel, e o grave problema do abuso de crianças dentro da Igreja Católica está agendado para lançamento nos cinemas mexicanos em 2 de Maio, como afirma seu diretor Luis Urquiza. E essa informação vem à luz, assim como os atuais líderes da congregação religiosa fundamentalista fundada por Maciel apenas pedir desculpas às vítimas de abusos por parte de seu criador tarde e o silêncio mantido durante todos esses anos.

Ator mexicano Juan Manuel Bernal ("coentro e salsa", "Blueberry") recria um sacerdote pederasta na estréia de Luis Urquiza, cuja história é baseada no fundador da congregação católica Legionários de Cristo, Marcial Maciel (1920 - 2008), acusou formalmente no final dos anos noventa para cometer abusos sexuais de seminaristas menores. “O personagem tem algo de Michoacan padre, mas não é nada disso, porque nos preocupamos com está falando sobre o poder de um ser humano sobre outro abuso de poder por meio de amor, admiração,” tensões ator.

"Perfect Obediência "mostra" a questão do abuso sexual por padres e servir de reflexão e discussão sobre esta questão que abalou a imprensa, e que pôs a Igreja em uma profunda crise de credibilidade”, disse seu diretor, voice-over, que recriada no filme o padre Ángel (Juan Manuel Bernal ), o protagonista de um filme que será lançado em um momento particularmente importante para as vítimas de abuso por religiosos como o Comitê da ONU de Direitos das Crianças, acusou o Vaticano de encobrir pedófilos e adotar políticas que permitiram que casos de abuso sexual são dados até hoje.

Os Legionários de Cristo, depois de anos de negação em primeiro lugar e, em seguida, minimizando o número de abuso sexual e outros crimes cometidos por seu fundador, primeiro pedir desculpas pelos atos ilícitos de Marcial Maciel. Agora, a congregação religiosa condena comportamento de absoluta dureza, toma o lado de suas vítimas, pede desculpas por seu comportamento "muito grave e objetivamente imorais" e lamenta o longo "silêncio institucional".

 “Expressamos nosso profundo pesar pelo abuso de seminaristas menores, atos imorais com homens e mulheres adultos, o uso arbitrário da autoridade e da propriedade, o consumo excessivo de drogas que causam dependência e tendo escritos publicados. Seguimos a inconsistência apresentada por décadas como um padre e um testemunho de fé ao esconder esses comportamentos imorais. fortemente desaprovados", diz a nota, que inclui um pedido público de desculpas imediato às vítimas de Maciel.

Tiro "Perfect Obediência" foi devidamente cuidado por causa da sensibilidade do tema, ele foi aconselhado por psicólogos, pais de criança protagonista, Sebastian Aguirre (que interpreta Sacramento, o pai do adolescente Anjo) estavam sempre presentes, e até mesmo clipes foram gravados para que, se necessário, ver que não houve um momento violento com os menores. As vítimas de abuso por parte de Maciel espero que o filme venha ajudar a sensibilizar a sociedade de um tema que não é uma coisa do passado.

"Esta é uma conseqüência do que começamos a denunciar a Igreja que mentiu para nós, agora temos de continuar a acreditar ", disse ele depois de ver o trailer José Barba, um dos oito ex- legionários que escreveram ao Papa João Paulo II a primeira carta acusatório contra Maciel.

FONTE: site noticine.com
Postar um comentário

Títulos mais acessados